sexta-feira, 12 de junho de 2015

FELIZ DIA DOS NAMORADOS

















Texto produzido para o Dia dos Namorados.
No mesmo observe a ausência da vogal “A”

Nenhum ser vivente deve viver sozinho, nosso core tem olho pedinte e desenvolve um enredo  entre ” homem/mulher”, um evento belo que ferve  com rigor dentro de nós. É o eterno desejo que vem  do instinto e que melhor define o que o core quer sentir;  o que vem do cerne, decerto neste momento em que emoções  ocorrem,  o movimento  tem um nome sugestivo e divertido que  constrói um elo entre dois seres. É o lirismo querendo viver, ser  feliz, sofrer por querer, enfim; é utópico viver sozinho, todos querem conhecer o evento.

 dinapoetisadapaz

6 comentários:

  1. Tu és danadinha! Muito inspirada! valeu! Lindo! Não me atrevo,rs bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Chica! Fico feliz e agradecida pela . Sua visita vale ouro.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. : Gracita e Chica, tê-las como seguidoras é um luxo!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Diná!
    Muito criativa você, heim? Ah... dorei!!
    :)
    Beijus,

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Luma! Nem tto amiga, mas devo dizer que é um ótimo exercício. Adorei sua visita e leitura.

    Bjs de luz!

    ResponderExcluir

Decanatos Póeticos

Estilo Experimental criado pela poetisa Norma Aparecida Silveira A Paz no Carnaval Da grande amiga um convite recebo, Pa...