domingo, 21 de junho de 2015

Escutou-me? - Compondo sem a vogal "A"













Creio que meu grito

ecoou no teu ouvido.

Vejo-te vindo dos confins

do horizonte onde um

vento sestroso,

combinou

com meu desejo de

consumo, num breve

sussurro , ditou que

estou no meio deserto

e espero por ti!



Preciso de enlevos,

de beijos, e  de  viver

um tempo estimoso.

Tenho fome, por perto;

somente furos no solo,

tenho medo deste desterro!

Morrerei sem te ver!

Vem!

 

dinapoetisadapaz




 http://www.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=5284589

6 comentários:

  1. Doce maravilha,gostei imenso deste escrito,beijinhos fofinhos!!

    ResponderExcluir
  2. Bom te ver sempre por aqui. Adoro sua visitinha@!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Adorei! Ficpou bem bacana o poema!
    Beijos Diná!

    ResponderExcluir
  4. Dina, Parabéns. Poesia é uma arte. Sem a letra A, é arte misturada com travessura....quanta imaginação!!!!! bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá Isa, que bom que gostou. Que tal tentar tb?

    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Ah Renato, vc me fez rir. Grata pela leitura e apreciação.

    Bjs no coração.

    ResponderExcluir

Decanatos Póeticos

Estilo Experimental criado pela poetisa Norma Aparecida Silveira A Paz no Carnaval Da grande amiga um convite recebo, Pa...